terça-feira, 13 de novembro de 2012


Capítulo 74 - Nunca mais repita isso

Demi: Joe?!

Joe: Desculpe. Não sabia que você estava aqui. A Sel me pediu para buscar DVD’s de 
vídeos caseiros então...

Demi: Não se preocupe. Tudo bem. Eu já estava de saída

Joe: Desculpa, mas você está bem? Parece triste

Demi: Eu... Eu estou bem. Bom, eu vou para minha casa. Tchau

Joe: Tchau

Eu peguei minha bolsa e saí. As lágrimas naturalmente começaram a cair novamente. 
Por que tudo de errado está acontecendo comigo? Por que eu estou sofrendo tanto? Eu 
plantei tantas coisas ruins para estar colhendo tanto sofrimento? Agora eu posso 
sentir o que o Joe passou por mim. Achei que o Tay era minha metade, mas ele só me 
fez sofrer. Trocando os personagens, o que o Tay está sendo para mim agora, é o que 
eu sou para o Joe. Meu Deus! Como eu pude ser tão cruel com ele? Eu sou horrível. 
Andando a pé, na chuva forte e no escuro, em direção a minha casa, escutei uma forte 
derrapagem de pneu e vi escutei alguém se aproximando de mim rapidamente.

Demi: Joe?!

Ele me olhou com pena, fechou os olhos por um momento e balançou a cabeça 
negativamente. Depois me puxou para si, me abraçando fortemente.

Joe: Quer falar o porquê de você estar assim?

Demi: (eu só tive forças de balançar a cabeça negativamente)

Joe: Tudo bem. Entra no carro. Vamos para minha casa

Demi: Não! Se as meninas me irem assim, vão acabar com a sua festa de despedida

Joe: Não tem problema. As meninas me convenceram a ficar até o dia do baile da 
escola delas. Então... Vamos?

Demi: Vamos

Ele abriu a porta para mim, deixou-me entrar, fechou e logo ele estava ao meu lado. 
Eu tentava segurar, mas as lágrimas desciam como um jato. Então quando paramos no 
primeiro semáforo ele pegou minha mão, me puxou para seu lado e colocou uma de suas 
mãos envolta da minha cintura e me deu um beijo em minha cabeça. Eu respondi tudo 
aquilo com um meio sorriso

Demi: Não precisa fazer isso se não quiser. Eu sei o quanto é difícil para você

Joe: Não se preocupe. Chorar já entrou na minha rotina

Demi: Eu me sinto mal por isso. Acho que posso sentir, pelo menos um pouco, o que te 
causei

Joe: Sabe, às vezes eu tenho vontade de fazer o que você tentou fazer... Me matar. 
Agora sei por que você teve aquela idéia, o sofrimento parece ser menor 

Demi: SHH nunca mais repita isso. Eu não iria agüentar a dor de te perder de novo

Nós nos aproximamos lentamente. Nossos lábios estavam prestes a se encontrar depois 
de anos...

CONTINUA.
..

5 comentários:

  1. aaaaaaáaa eles tem que se beijar,
    ta perfeito,posta logo bjs.

    ResponderExcluir
  2. Não podia ter parado depois do beijo??
    Posta logo
    Bjbj

    ResponderExcluir
  3. Perfeito, como sempre!! Posta logo!!

    ResponderExcluir
  4. Nossa beija Joe... tomara qe role o beijo qe a tempo não rolava! Eles tem que ficar ficar juntos!
    Posta logo heim!

    ResponderExcluir

Sem comentário sem capitulo :)